sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Um pouco de Quintana


Os poemas são pássaros que chegam
não se sabe de onde e pousam
no livro que lês.
Quando fechas o livro, eles alçam vôo
como de um alçapão
Eles não tem pouso
nem porto
alimentam-se um instante em cada par de mãos
e partem.
E olhas, então, essas tuas mãos vazias,
no maravilhoso espanto de saberes
que o alimento deles já estava em ti...

2 comentários:

Jessica disse...

Adorei!
E essa foto então...que perfeita. Parece eu, na bagunça dos meus livros estudando aqui no meu quarto.

que lindo este blog.
beijos da coca.

Pagulina disse...

PERFEITO!!!
LINDO, SENSÍVEL E APAIXONANTE.
QUINTANA É QUINTANA.
AMA OS LIVROS COMO NÓS AMAMOS A VIDA...AMEI!!!

(FALA SÉRIO, VOCÊ SELECIONA MUITO BEM O QUE POSTAR...SEM FALAR NO QUE ESCREVE...QUERO SER ASSIM QUANDO CRESCER...)

BESITOS
PATY