domingo, 18 de maio de 2008

Adoradores de Livros


Após anos de pesquisa exaustiva e uma preparação cuidadosa, a Csac Naify relança a tradução de um dos clássicos da literatura norte-americana, Moby Dick. Escrito por Hermann Melville, o livro, que já teve três versões cinematográficas, conta a odisséia do homem mortal que se pensa Deus quando cego por seu ego. Publicado originalmente em 1851, é tecido pela narrativa de um marinheiro experenciado na arte de navegar, chamado Ishmael, que conta a última viagem de um navio a procura da enorme baleia branca que devorou a perna do vingativo capitão Ahab. A riqueza do ponto de vista do narrador explora várias nuances como relato de viagem, os sermões, a preleção, a filosofia, o cientificismo. Moby Dick é um mergulho na natureza humana permeada pela suas contradições, seus sonhos, medos e desafios. A edição cuidadosa e esteticamente deslumbrante da Cosac Naify agrada e muito os leitores fetichistas, desde o corpo da letra impressa até os detalhes das ondas que perpassam as páginas. Em tempos de rapidez e tecnologias, adquirir um exemplar de Moby Dick é realmente um luxo, dada a sua beleza estética e seu conteúdo arrebatador. A editora dispôs um site visualmente elaborado. Para acessá-lo, basta digitar: www. cosacnaify.com.br/noticias/mobydick/. Boa viagem.

2 comentários:

Pobres&Nojentas disse...

Sá, vou publicar esse texto no jornal do SINTRAJUSC. Posso?
Mimi

Samuel Frison disse...

Sim, com certeza!

E como foi o concurso?

Bj